Minha vida com Maria

Meu nome é Cristiane, tenho 38 anos e comecei o meu contato com Maria há sete anos.

Eu venho de uma família protestante – meus pais e avôs são batistas, passei a minha vida ouvindo dizer Maria é a mãe de Jesus e ponto. Na minha adolescência comecei a namorar meu esposo, ele de família católica atuante, seguia todos os passos da igreja – Eucaristia, Crisma, Encontros de Jovens – a exemplo do Escalada e assim, foi o meu primeiro contato com a Igreja Católica.


Em 2007, nos casamos na igreja batista e vivíamos sem frequentar nenhuma igreja. Em 2009, tivemos nossa primeira filha, batizamos na igreja católica, pois tínhamos um acordo que nos casaríamos na igreja dos meus pais e batizávamos nossos filhos na religião católica.

Deus já estava ali construindo a minha caminhada e nem sabíamos. Em 2012, nasceu nosso segundo filho, ali nossa família estava completa, estávamos no ápice da felicidade, mas faltava algo! E então recebemos o convite para o encontro de casais com Cristo!!


Pois bem, passei 2012 para 2013 inteiro ouvindo sobre Maria – estudando e questionando muito sobre ela, como eu sou curiosa, resolvi fazer o Catecumenato e estudar cada vez mais, sobre a doutrina católica.


Sentia-me bem mas, um dia ouvi de uma tia que faltava a entrega – eu passei a me questionar todos os dias, o que seria essa entrega, até que um dia em uma adoração ao Santíssimo, eu clamei de todo o meu coração de joelhos aos pés de Jesus e de Nossa Senhora, eu pedi que necessitava de um sinal. Naquele momento, infelizmente, o sentimento de incredulidade era mais forte do que eu, agia como São Tomé, precisava vê para crê.


Era um domingo, 28 de abril de 2013, novamente clamei a Jesus e a Maria, que precisava de um sinal, era essencial viver uma experiência com Maria para poder entender as suas misericórdias. Então, no feriado de 1º maio estávamos na casa de um casal amigo e de repente o nosso filho mais novo sumiu, ele tinha apenas 1 ano e 1 mês, procuramos por toda a parte interna da casa, quando ouvi uns gritos da nossa amiga, gritando o marido de forma desesperada, nesse momento, me desloquei para área externa da casa, sabendo que algo tinha acontecido.


Ela achou o pequeno Pedro boiando na piscina, no canto, de bruços, e sua reação foi retirar ele da água e gritar! Eu cheguei à área em segundos, passei por uma porta que depois descobri que estava trancada, e logo comecei ouvir uma voz me guiando, então, fiz tudo que essa voz me falava e logo salvei a vida do meu filho!


Éramos 5 adultos na casa e 2 crianças, todos ficaram desesperados e eu, calma e serena, não ouvi nada além daquela voz que me guiava. Vale ressaltar, meu esposo é enfermeiro sempre trabalhou em emergência, mas ali naquele momento ele era o PAI que achava que seu filho estava morto. Eu nunca fiz nenhum curso de primeiros socorros, não tinha noção nenhuma que estava fazendo o certo. A voz me disse: coloque as costas dele com sua barriga, meça um palmo e pressione. Nesse momento ele começou a cuspir a água, e então, meu esposo, o tomou de mim e colocou de frente para mim em seus braços, momento que eu ouvi a voz mais uma vez e falar sopre o seu ar na boca dele e puxe, e assim ele voltou a vida!


E eu, em momento nenhum achei que aquela voz era de Nossa Senhora, mas, ela como uma mãe sábia, passou a conversar comigo nas madrugadas seguintes, eu não dormia, ficava olhando meu pequeno dormir para ter certeza de que ele estava respirando.


Então, eu ouvia a voz falar: “Mulher, ainda não acredita em mim?” e nesse momento eu comecei a rezar o início da Ave Maria (eu não sabia rezar). E assim, fiquei até o domingo dia 5 de maio quando já angustiada, ouvi do nosso pároco que Nossa Senhora tinha mandado de me dizer que ela foi quem tinha me guiado no salvamento FILHO.


Desde então, minha vida se completou. Nossa Senhora é minha intercessora, minha advogada, minha Mãe, tem me ajuda a passar de pé por todos os percalços que a vida nos traz. Hoje sou batizada, crismada e em agosto de 2013 recebemos o Sacramento do Matrimônio.

Cris - 1° Escalada Master

Jequié - BA

#fé #NossaSenhoradoEscalada #maria #momentoprojetodeoração

Outros Posts